SLZMA

Informação e Entretenimento

CEDRAL: mesmo com tudo parado, prefeito já pagou antecipado R$ 359 mil para empresa construir ciclovia

A construção da ciclovia em Cedral tem levantado sérias suspeitas sobre a administração dos recursos públicos pela Prefeitura de Cedral, sob o comando do prefeito Fernando Cuba. Informações indicam que a obra teria sido iniciada apenas em abril de 2024, embora a administração pública tenha autorizado um pagamento antecipado de R$ 359.628,52 mil já em janeiro.

O contrato foi assinado em 11 de dezembro de 2023 entre a Prefeitura de Cedral e a empresa Limpomax Empreendimentos para a construção da ciclovia, com um custo estimado de R$ 1,3 milhão. No entanto, apenas um mês após a assinatura do contrato, em 5 de janeiro de 2024, o prefeito autorizou o pagamento antecipado, alegando que cerca de 27,21% da obra já estava concluída.

 

Essa antecipação de recursos públicos levanta sérias questões, especialmente porque as obras, conforme apurado, só começaram efetivamente no final de abril de 2024, meses após o desembolso inicial.

Há também relato sobre a falta de placa informativa no local da obra, um requisito básico que deve detalhar o projeto, a empresa responsável, os prazos e os valores envolvidos. A falta dessa transparência essencial não só dificulta o acompanhamento pela comunidade, mas também sugere possíveis irregularidades na condução do projeto.

Diante desses indícios, a situação exige uma investigação rigorosa para esclarecer se houve favorecimento indevido à empresa contratada e para garantir que os recursos públicos sejam utilizados de forma correta e transparente.

SLZMA

Voltar ao topo