SLZMA

Informação e Entretenimento

Em Arari, moradores estão usando a mesma água que porcos e bois usam e denunciam a prefeitura que não fez a encanação do poço, mesmo com gastos que já somam mais de R$ 91 milhões só este ano

Moradores do povoado Murici, que fica a 30 km da cidade de Arari, estão revoltados com a falta de água no local. No pequeno povoado, onde a maior parte da população vive de pesca a da agricultura tem sentido a pele, a falta de água de qualidade, pois a única que eles têm acesso é a mesma que os bois e porcos usam nos campos, como a dona de casa mostra no vídeo.

Água de má qualidade e aumento do risco de exposição a doenças. É esta a realidade de várias famílias que vivem no Povoado na zona Rural de Arari onde muitas residências ainda não tem acesso a agua potável, apesar de ter um poço artesiano nas proximidades, mas segundo a moradora relata no vídeo, a prefeitura nunca fez a encanação para as residências.

O SlzMa fez buscar minuciosa  no portal da transparência e detectou que somente este ano a prefeitura de Arari, que tem como gestor, Rui Fernandes Ribeiro Filho já gastou mais de 91 milhões.

Picsart_23-10-22_16-01-02-304

Lamentável, enquanto o prefeito mora em uma mansão em um condomínio de alto padrão, o município de Arari, com 29 mil habitantes, vive um caos em vários setores do serviço público.

O site tentou contato com o prefeito para pedir explicações sobre a encanação, mas o prefeito não atendeu as nossas ligações. O espaço fica aberto ao gestor para se pronunciar.

SLZMA

Voltar ao topo