SLZMA

Informação e Entretenimento

Com quase R$ 2 bilhões arrecadado, investimento em Ribamar na gestão de Dr. Julinho ainda é precário

O município de São José de Ribamar, apesar de sofrer com serviços precários, não tem do que reclamar de arrecadação de recursos financeiros, seja repasses federais, arrecadação própria ou emendas parlamentares.

Gerido pelo médico Dr. Júlio Cesar Matos, conhecido popularmente como Dr. Julinho, em apenas três anos, o município já arrecadou R$ 1,8 bilhões de reais.

É tanto dinheiro, que o prefeito Dr. Julinho não consegue sequer investir tudo no que realmente precisa.

No primeiro ano de sua gestão, por exemplo, a previsão orçamentária do município era arrecadar R$ 385 milhões, mas a meta foi superada e o município arrecadou R$ 111 milhões a mais.

No primeiro ano da gestão do prefeito, dos R$ 496 milhões arrecadados, foram gastou R$ 422, o que resultou numa sobra de R$ 74 milhões.

Em 2022, com orçamento próprio, a previsão de arrecadação inicial era de R$ 431 milhões e terminou atualizada para R$ 767 milhões. Já o gasto, foi de R$ 688 milhões, o que representou uma sobra de R$ 79 milhões.

Ano passado, a previsão era arrecadar R$ 880 milhões e pela primeira vez, desde que assumiu o mandato em janeiro de 2021, arrecadou menos do que o previsto.

Com R$ 736 milhões nas contas, a diferença do que foi previsto foi de menos R$ 144 milhões.

Mas é tanto dinheiro, que pelo terceiro ano, gastou menos do que arrecadou fechando as contas com R$ 20 milhões de sobra entre o que arrecadou e o que gastou.

O orçamento 2024 ainda não está disponível no site do Tribunal de Contas do Estado do Maranhão e no portal da Transparência.

SLZMA

Voltar ao topo