SLZMA

Informação e Entretenimento

672x150

Em um ano e quatro meses, Nivaldo Araújo já recebeu mais de R$ 81 milhões nas contas da prefeitura de Alcântara

Se tem algo que o prefeito do município de Alcântara, Nivaldo Araújo, (sem partido), não pode reclamar é da falta de dinheiro. Desde que assumiu a chefia do Executivo local, as diversas contas da prefeitura estiveram, e ainda estão abarrotadas de recursos públicos.

De julho de 2022, quando Nivaldo se tornou prefeito, até mês o passado, em outubro de 2023, o Município recebeu nada menos que R$ 81.967.564,84 (oitenta e um milhões e novecentos e sessenta e sete mil e quinhentos e sessenta e quatro reais e oitenta e quatro centavos) milhões.

Os dados são do Demonstrativo de Distribuição da Arrecadação do Sistema de Informações Banco do Brasil (SISBB) e do portal de Transparência do Governo Federal, que foram minuciosamente checados pelo SlzMa.

Nesses 16 meses, foram mais de R$ 81 milhões em recursos resultante de FPM (Fundo de Participação), FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação), FUS (Fundo de Saúde), ICS – ICMS estadual, FEP (Fundo Especial do Petróleo), ITR (Imposto Territorial Rural), IPM – IPI Exportação – Cota Município, SNA – Simples Nacional e, por último, ADO – LC 176/2020 (ADO25).

Arrecadação local

Nesse “bolo” gigantesco de recursos públicos, Nivaldo arrecadou outros R$ 680 mil de taxa de iluminação, pago pelo povo alcantarense nas contas de luz para a empresa Equatorial e depois, remetida para uma conta especifica da prefeitura.

Ainda falta arrecadação própria

O SlzMa só não conseguiu identificar quanto a atual gestão municipal somou em arrecadação municipal própria. Obviamente, que com o acréscimo desses valores, essa fortuna em dinheiro público recebido pelo prefeito Araújo aumenta ainda mais.

Lembrando que, neste montante não está incluído o que a prefeitura já recebeu em convênios do governo federal e do governo do estado entre 2022 e 2023, e também não está incluso neste montante a quantia que a prefeitura arrecadou em iluminação pública.

A pergunta é;

E o que o prefeito de Alcântara fez com tanto dinheiro?. Certamente, quando o GAECO (Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas da Procuradoria-Geral de Justiça do Maranhão) e/ou a Polícia Federal baterem às portas, os alcatarenses saberão o destino de tantos recursos públicos…

SLZMA

Voltar ao topo