SLZMA

Informação e Entretenimento

CPI do COVIDÃO: Flávio Dino já fica de orelha em pé

O Maranhão está entre uns dos estados do nordeste que mais recebeu recursos para o combate da Covid-19. O estado já recebeu do Governo Federal R$ 226,2 milhões, mesmo assim ocupa as últimas posições em quase tudo na pandemia.

Maranhão, estado que menos já vacinou e também ocupa o 3° em que mais atrasa as notificações de óbitos da Covid-19.

Memória de elefante, lembramos que no ano passado o governo do estado do Maranhão pagou R$ 4,9 milhões por 30 respiradores que nunca foram entregues. A compra, intermediada pelo Consórcio Nordeste, custou um total de R$ 48,7 milhões aos cofres públicos de vários estados da região.

Essas são algumas das irregularidades que deixam o palácio dos leões com a olha em pé.

Caso a CPI, seja instalada o estado deve ser uns dos primeiros a ser ouvido para esclarecer onde foram investidos os recursos destinados ao combate à covid-19.

O senador Roberto Rocha chegou até publicar uma tabela em suas redes sociais com os valores detalhados que já foram destinados pelo governo federal ao Maranhão.


Lembrei de uma velha frase que o saudoso Jairzinho falava logo na abertura do seu programa” O povo com Palavra” “Queime em quem queimar, doa a quem doer, aqui neste programa a parada é pra valer, e quem tiver rabo-de-palha, falcatrua, maracutaia que procure se esconder!”

SLZMA

Um comentário em “CPI do COVIDÃO: Flávio Dino já fica de orelha em pé

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Voltar ao topo